Organização

O Complexo Laboratorial Nanotecnológico  (CLN) é uma rede de laboratórios abertos à pesquisadores externos e a indústria cuja missão é disponibilizar ao setor produtivo nacional infraestrutura, metodologias e processos consolidados nas linhas de pesquisa em Nanociências e Nanotecnologia, principalmente Polímeros, Materiais Funcionais e Simulação & Modelagem Computacional da UFABC, visando a formação de recursos humanos altamente qualificados, transferência de inovação e tecnologias para o setor produtivo. Os objetivos do CLN são claros no que se refere ao estudo de processos, da seleção e da caracterização de materiais para diversos segmentos da indústria, bem como a ampliação de pesquisa, desenvolvimento e inovação com empresas de diversos segmentos e aquisição de novos equipamentos de grande porte voltados para abordagem de materiais na escala nanométrica e adequação de instalações físicas.

O CLN é coordenado por um Comitê Gestor do Sistema Nacional de Laboratórios em Nanotecnologia (SisNano) na UFABC, que faz a interface entre o usuário externo, os pesquisadores do Programa de Pós-Graduação em Nanociências e Materiais Avançados (PPG-Nano) e os Laboratórios associados a este programa, alocando os recursos disponíveis de forma a otimizar e acelerar o desenvolvimentos dos trabalhos propostos. Cabe ainda  a este Comitê designar designar técnicos avançados para execução dos convênios, sob os auspícios dos laboratórios associados e da Pró-Reitoria de Pesquisa, representada legalmente pela Reitoria institucional. O organograma abaixo ilustra a estrutura de funcionamento do CLN.

São atribuições do Comitê Gestor: gerenciar e estimular parcerias com agentes do meio industrial dentro do SisNANO; Promover, juntamente com a coordenação da CEM, a atualização e planejamento das instalações e equipamentos no âmbito da relação UFABC com o SisNANO; Analisar a viabilidade técnico-científica das propostas submetidas pelos usuários; Designar pessoal de apoio para prover a capacitação e intermediar a operação dos equipamentos; Autorizar os dias e horários para acesso à infraestrutura dos laboratórios e da CEM; E definir, juntamente com os órgãos administrativos da UFABC, os termos de convênios envolvendo o SisNANO;

Reitoria

Reitor: Klaus Capelle

Vice-reitor: Dácio Roberto Matheus

Pró-Reitoria de Pesquisa

Pró-Reitor de Pesquisa: Marcela Sorelli Carneiro Ramos

Pró-Reitor Adjunto de Pesquisa: Igor Leite Freire

Comitê Gestor do SisNano na UFABC

Fabio Furlan Ferreira

Alexandre José de Castro Lanfredi

Wendel Andrade Alves

Herculano da Silva Martinho

Anapatrícia Morales Vilha

Marcela Sorelli Carneiro Ramos